Oriundo das escolas do Poli Timisoara, Dorin Rotariu encontrou o seu espaço de afirmação em Bucareste, ao serviço do Dínamo local, depois de um periodo em que, sem contrato profissional aos dezassete anos, esteve perto de assinar pelo Vaslui. Na ocasião, era já um dos mais promissores valores do futebol romeno, internacional sub-19. Depois de se comprometer por uma dúzia de anos com os Cães Vermelhos, conseguiu rápida ascensão à primeira equipa. Na temporada de 2013/14 foi um dos futebolistas mais utilizados e justificou o debute pelos sub-21 do seu país.

 

De apetência esquerdista natural, tanto pode ser um jogador de corredor, como ocupar espaços interiores, em razão da inteligência em posse, do passe criterioso e com qualidade e da facilidade em encontrar soluções de desbloqueio da defensiva contrária. Joga muito bem entrelinhas e é hábil em interferir com os confortos tácticos do oponente, ora buscando diagonais interiores, ora recorrendo ao lançamento de ruptura, aproveitando espaços na defesa contrária. Não sendo um jogador muito intenso do ponto de vista físico, faz valer os predicados técnicos, a visão de jogo e um bom sentido posicional de antecipação. Quando tem oportunidade, revela boa chegada à zona de finalização e também faz golos. É um nome falado sistematicamente para chegar à selecção principal da Roménia e está referenciado por alguns clubes de topo na Europa.  

Julho 1, 2014 

ALA/MÉDIO OFENSIVO, DIN. BUCURESTI, 29.07.1995

DORIN ROTARIU